30 janeiro 2009

Os Beatles subiram no telhado

30 de janeiro de 1969 (40 anos atrás) foi o dia da última apresentação ao vivo dos Beatles.

Embora não tenha sido concebido para ser um concerto público, o "Rooftop Concert", como ficou conhecido, acabou sendo uma das mais famosas apresentações dos Beatles, se não pelo inusitado do lugar, com certeza por fazer parte do filme e do último álbum lançado da banda: "Let it Be".

Os Beatles iriam fazer um documentário com eles produzindo um programa de TV e compondo algumas canções do seu novo álbum, que marcaria um retorno aos dias de rock da banda.

O projeto começou no estúdio Twickenham no dia 2 de janeiro de 1969, mas os problemas de relacionamento que havia dentro da banda logo mostraram a cara: George Harrison saiu depois de 8 dias reclamando das constantes criticas de Paul McCartney. Mas retornou na semana seguinte.

A ideia do programa de tv foi abandonada, pois eles não conseguiam concordar aobre o local de filmagem. Chegaram a pensar em gravar em outro continente (África), em clubes pequenos, num asilo...

No fim concordaram em realizar um concerto surpresa no teto da Apple (a gravadora dos Beatles, não a fabricante de computadores).

A apresentação (e o filme) encerram com a chegada da policia que pôs fim a farra. O set list desse dia foi: Get Back, Dont´t Let me Down, I´ve Got a Feeling, One After 909 e Dig a Pony. Também tocaram um pequeno ensaio de I Want You (She´s So Heavy), que ficou de fora do filme e do album porque o engenheiro de gravação (que era ninguém menos que Alan Parson, o mesmo do Alan Parsons Project) estava trocando a fita.

O Filme ganhou o Oscar de melhor trilha em 13 de maio de 1970, mas àquela altura o sonho havia acabado: os Beatles tinham se separado.


Parte1



Parte 2



Parte3



A formação da banda nesse dia foi um pouco diferente. Incluiu Billy Preston nos teclados. Ele já havia participado em outros albuns dos Beatles, mas foi o primeiro "show" deles juntos. A importancia de Billy Preston é medida pelo crédito da música "Get Back" que aparece como "the Beatles with Billy Preston". Única vez na discografia dos Beatles que isso acontece.

Aqui Billy Preston presta homenagem ao seu amigo George Harrison (junto com Eric Clapton e outros caras fraquinhos):

Nenhum comentário: